O que é a Sindrome de Asperger - Autismo entre mães

19 de maio de 2018

O que é a Sindrome de Asperger




A síndrome de Asperger é uma perturbação do desenvolvimento que afeta as capacidades de comunicação e relacionamento.
As crianças com esta síndrome exibem dificuldades no relacionamento com terceiros e interessam-se de um modo intenso por matérias muito específicas.
Porem hoje a síndrome de Asperger se engloba no TEA (transtorno do espectro autista), portanto não se diz mais que a criança possui a síndrome de asperger e sim que a mesma está no TEA.
Ainda não há consenso na avaliação da frequência da Síndrome de Asperger. As estimativas falam em uma entre 250 crianças sofrem com o problema até uma em cada mil crianças.
O sexo masculino apresenta uma incidência de Síndrome de Asperger cerca de três vezes maior que o sexo feminino.
Há diversos sintomas comuns que facilitam o diagnóstico, como alteração e distúrbios no ritmo de aparecimento das habilidades físicas, sociais e linguísticas, na compreensão, associações de ideias e no ritmo; alteração da linguagem, da fala e nos sentidos; relacionamento anormal com pessoas, com os objetos, e na socialização; fobias e medos, alterações na alimentação, no sono, crises de teimosia, agressividade ou auto-agressividade.
Crianças com Síndrome de Asperger podem apresentar um comportamento anormal, com movimentos repetitivos, como por exemplo torcer e mover as mãos ou os dedos, ou rituais de comportamento como fazer as atividades rotineiras sempre em uma ordem determinada.
As pessoas que possuem a síndrome podem ter dificuldades em entender e praticar a  linguagem corporal, exibindo poucas expressões faciais atrasos na fala e a obsessão por temas específicos. Por essa razão e pela alta incidência – 3 a 7 diagnosticados em cada mil crianças – , a identificação precoce é importante. “O diagnóstico é clínico, feito por meio da observação direta do comportamento e de uma entrevista com os pais ou responsáveis. Os pais são os primeiros a identificar os sinais e são muito importantes neste processo”, explica a neuropsicóloga Joana Portolese. 




Essa pesquisa foi feita com consulta as seguintes fontes:

https://www.saudecuf.pt/mais-saude/doencas-a-z/sindrome-de-asperger
http://blogs.atribuna.com.br/maissaude/2017/05/sindrome-de-asperger-faz-parte-do-transtorno-do-espectro-autista-conheca-para-incluir/
https://www.altoastral.com.br/sindrome-asperger/
https://www.google.com.br/search?q=sindrome+de+asperger+esta+no+tea&source=lnms&tbm=isch&sa=X&ved=0ahUKEwjwxbWE_5LbAhUJxpAKHZH1CRE4FBD8BQgLKAI&biw=1366&bih=637#imgrc=G239sqrnGKJVmM:


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentarios anônimos não serão aceitos