Funcionário com autismo do McDonald’s é demitido por “tremedeira nas mãos” - Autismo entre mães

30 de dezembro de 2017

Funcionário com autismo do McDonald’s é demitido por “tremedeira nas mãos”





Um ex-funcionário autista de uma unidade do McDonald’s, em Miami, teria sido demitido por sua “tremedeira nas mãos”, segundo o relato da irmã, Angelica Selena Martinez, no Twitter. “Meu irmão foi demitido do McDonald’s apenas com base em discriminação”, contou.
“Nem mesmo uma semana de trabalho e eles o dispensaram. O motivo? ‘Suas mãos tremiam demais quando ficava nervoso”, relatou.
O ex-funcionário, identificado como Alex, disse a sites dos EUA que a unidade sabia de sua condição antes de contratá-lo. Em uma quarta-feira, ele foi dispensado mais cedo. Posteriormente, a empresa ligou para a avó para informar a demissão.
“Não gosto do fato de eles não terem me falado pessoalmente. Sinto que eles não estavam me tratando como um ser humano normal e me fizeram sentir inadequado e inútil”, disse ao BuzzFeed News. Ele disse, ainda, que não foi pago pelo tempo que trabalhou.
Em nota, o McDonald’s disse que está realizando uma investigação interna para avaliar o que ocorreu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentarios anônimos não serão aceitos